Torne-se o melhor dos melhores
 
PortalInícioFAQRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [Tutoriais] RPG

Ir em baixo 
AutorMensagem
Myaku
Estudante Academico
Estudante Academico
avatar

Mensagens : 169
Ryous : 0

Status
HP HP:
3100/3100  (3100/3100)
CH CH:
4000/4000  (4000/4000)
ST ST:
4000/4000  (4000/4000)

MensagemAssunto: [Tutoriais] RPG   Qua Ago 10, 2011 12:06 pm

Você que já conhece o que é RPG, pode pular essa parte e ir direto para o final. Agora, você que troceçou e caiu aqui, não deve estar entendendo muito bem o que é isso tudo. Bom, esta página é uma criação minha, a respeito de um mundo medieval fictício, e das pessoas fictícias que vivem nele. Com ênfase no "fictício".

Agora é que vem a parte do RPG. Role Playing Game é um jogo de interpretação. Imagine um filme, qualquer um. Todos eles são feitos a partir de um roteiro certo? Qualquer ator que pegue o script, vai saber exatamente o que deve ser feito, o que deve ser dito, como o filme termina. A interação do ator no filme se resume a como ele vai interpretar seu personagem. RPG seria como um filme sem roteiro, apenas com idéias. O mestre seria o diretor, os jogadores seriam os atores. No início, tudo que o diretor tem é a idéia do roteiro. Cada ator lê essa idéia, e então criam um personagem, de modo que possam se integrar com mais facilidade à ideia proposta. O diretor então começa a contar a história, e após descrever os fatos, ele pede para que os atores continuem cena, realizando ações que seus personagens fariam, caso estivessem naquela situação. Com base nessas ações, o mestre continua a história, deixando-a mais envolvente, integrando mais o personagem no jogo. E então o ciclo se repete, com o mestre pedindo aos jogadores para realizar suas ações, e com base nessas ações a aventura continua...

Entendeu? Não existe um objetivo único, sempre haverão novos obstáculos a serem ultrapassados, e novos desafios a serem vencidos. O mestre cria as situações, os jogadores interpretam suas ações, e essas ações levam o mestre e criar outras situações...

Jogos de RPG podem ser ambientados em qualquer época, em qualquer lugar, tendo como base qualquer coisa. Por exemplo, você pode ter gostado de um filme interessante, ou uma série legal, e pode fazer um jogo a respeito disso. Porque não jogar com o agente especial Fox Mulder ou Dana Scully em um arrepiante caso dos Arquivos X? Ou então fazer parte da tripulação da USS Enterprise, e atravessar a fronteira final? Estes são apenas poucos exemplos do que pode servir como tema de jogo de RPG. Hoje em dia, o que você imagina que possa ser transformado em jogo já deve estar sendo jogado em algum lugar. A única coisa que voce precisa para começar a jogar é não se prender a limites, e deixar sua imaginação fluir. Este é um jogo maravilhoso e divertido, e que vale a pena conhecer.

Vale lembrar novamente que se trata de um jogo, puramente fictício e baseado na imaginação. O que o torna tão estranho aos olhos de quem não o joga, são as interpretações dos jogadores, que nada estão fazendo de mais, apenas se divertindo fingindo ser quem não são. Não existe diferença entre o que eles fazem e o que você vê numa novela da TV. Quer dizer, a diferença é que os jogadores de RPG o fazem por prazer e não ganham pra isso.

No início de sua existência, o teatro também era visto como algo estranho, absurdo para alguns, blasfêmo para outros. RPG é teatro sem história fixa. Achar que RPG tem influência negativa para quem joga é o mesmo que achar que atores de filmes que interpretam grandes vilões no cinema também são influenciados negativamente pelos seus personagens.

Agora, a você que conhece RPG, gosta de jogar em lugares públicos e não se preocupa com o que os outros estão pensando de você enquanto os dados rolam, lembre-se de que as suas ações no mundo real são as responsáveis pelo modo como as pessoas vêem o RPG. Faça sua parte para a conscientização do jogo. Quando perguntarem o que é RPG, tente explicar de maneira simples, compare com coisas que as pessoas conhecem, como filmes e novelas. Seja claro, não fique falando de regras, fichas de personagens e detalhes técnicos. Evite mostrar o jogo como algo violento ou que possa chocar, como aquele seu antigo personagem que adorava decepar cabeças, ou aquele mago que fazia acordo com demônios. Para quem não conhece o jogo, a primeira impressão é a que vai ficar. Explique o que é o jogo a seus pais, pois se eles estiverem esclarecidos, eles também poderão explicar o jogo a quem perguntar a eles "o que é aquela coisa estranha que seu filho ta fazendo?"

Lembre-se que nada acontece por acaso. Se o RPG hoje é visto da maneira errada, é porque ele não foi bem apresentado. Acredite, um pequeno mal entendido pode causar enormes problemas. Então faça sua parte, seja responsável e não esqueça que ninguém é obrigado a entender logo de cara o que é o jogo, por isso, seja paciente. E se por acaso quando você estiver jogando, e alguém passar te olhando estranho, pense duas vezes antes de achar isso engraçado. A comunidade rpgística agradece.

__________________________________________________________________

Digimon:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Myaku
Estudante Academico
Estudante Academico
avatar

Mensagens : 169
Ryous : 0

Status
HP HP:
3100/3100  (3100/3100)
CH CH:
4000/4000  (4000/4000)
ST ST:
4000/4000  (4000/4000)

MensagemAssunto: Exicencias   Qua Ago 10, 2011 12:17 pm

Então você estava navegando, viu a página, se interessou pela história e decidiu que seria interessante fazer parte deste grupo, certo? Bem, se foi isso que aconteceu, existem algumas coisas que você deve ter em mente antes de começar a montar seu personagem.

Primeiro, é importante ressaltar que PBEM é diferente de um rpg de mesa. Primeiro porque na mesa as ações ocorrem muito mais rápido, basta você dizer o que vai fazer e o mestre imediatamente diz o que aconteceu. No PBEM é diferente. As ações são um pouco mais lentas, pois é levada em consideração uma série de fatores externos, que podem atrasar o andamento da estória. De qualquer forma, é importante lembrar que o jogador apenas envia sua ação, sem nunca considerar que tal ação teve sucesso. Cabe ao mestre dizer se o personagem foi bem sucedido em sua jogada ou não. Outra coisa, sempre que for enviar a ação, lembre-se de escrevê-la em 3° pessoa, pois só assim é possível detalhar melhor a ação.

Freqüência de jogo é importante, mas diversos fatores externos podem atrasar as ações, tanto do mestre quando do jogador. Aqui, deve prevalecer o bom senso. O ideal é que as ações sejam respondidas em poucos dias, quanto mais rápido melhor, para manter o ritmo do jogo. Mas se a semana vai ser agitada, se vai ter uma viagem, se o tempo ta curto, se você ta cansado, seja lá o que for, se não for conseguir mandar as mensagens em um tempo hábil, avise. Pra tudo dá-se um jeito, mas o que não pode acontecer é uma cena ficar parada semanas porque um dos personagens não realizou nenhuma ação e não deu satisfação do porque da demora. Lembre-se, a intenção é manter um jogo legal e fluido, e isso só é possivel com o comprometimento mútuo.

ntre no clima, se a ação é grande, encaixe entre as descrições enviadas os pensamentos e sentimentos do seu personagem. Faça-o interagir com o meio, mostre que aquilo faz parte da vida dele também. É assim que você dará profundidade ao personagem, e o fará ser mais que apenas um Estudante de Academia chorão.

__________________________________________________________________

Digimon:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Tutoriais] RPG
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Tutorial Blender 3D - Modelando Terrenos.
» Apostila e Tutoriais de Script
» [Construção]Pacotão de Tutoriais
» Aula De RGSS !!! // iniciante
» Alguns Tutoriais!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Vortêx RPG :: Principal :: Índice :: Regras-
Ir para: